Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

É preciso fortalecer a união entre os brasileiros, diz Beto Richa

.

Governador Beto Richa, junto com a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa; o comandante da 5ª Divisão de Exército, general-de-brigada Luiz Felipe Kraemer Carbonell; do comandante-geral da PMPR, coronel Maurício Tortato; do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, e demais autoridades civis e militares, participa das comemorações pelo Dia da Independência do Brasil.Curitiba, 07/09/2015.Foto: Orlando Kissner/ANPr
Governador Beto Richa, junto com a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa; o comandante da 5ª Divisão de Exército, general-de-brigada Luiz Felipe Kraemer Carbonell; do comandante-geral da PMPR, coronel Maurício Tortato; do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, e demais autoridades civis e militares, participa das comemorações pelo Dia da Independência do Brasil.Curitiba, 07/09/2015.Foto: Orlando Kissner/ANPr

O governador do Paraná, Beto Richa afirmou, nesta segunda-feira, (07.09), durante as comemorações pelo Dia da Independência do Brasil, que a população deve aproveitar a data nacional para avaliar o momento que o País atravessa. “É preciso fortalecer sentimento de civismo, de patriotismo, o amor e a união dos brasileiros”, afirmou Richa, pouco antes do início do desfile cívico-militar, na Avenida Cândido de Abreu, Centro Cívico, em Curitiba.Promovido pela 5ª Divisão do Exército, o evento encerrou as comemorações pela Semana da Pátria.

Segundo a Polícia Militar, mais de 40 mil pessoas assistiram ao desfile, que teve 2 mil participantes, entre militares das Forças Armadas, da PMPR, além de escolas municipais e estaduais e entidades civis.O governador ressaltou que a população tem manifestado nas ruas, de forma pacífica e ordeira, a necessidade de um novo comportamento dos políticos. “Há um desgaste político, a população não suporta mais tantos escândalos, denúncias que não se interrompem nunca. É necessário transparência, combate intransigente à corrupção, ética e respeito”, disse Richa. “A população quer o bom uso dos recursos públicos, com impostos revertidos em obras”.Richa participou do desfile junto com a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa; o comandante da 5ª Divisão de Exército, general-de-brigada Luiz Felipe Kraemer Carbonell; do comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Maurício Tortato; do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, e demais autoridades civis e militares.

EVIDENCIAR VALORES - O comandante Luiz Felipe Kraemer Carbonell também ressaltou a importância da festa cívica, em especial no momento de crise. “ É uma festa para evidenciar valores da Nação como unidade territorial e de idioma. Gostaríamos que a população aproveitasse a data para levantar a cabeça, porque o País é maior do que as crises”, afirmou.O comandante-geral da PM, Mauricio Tortato, lembrou que a celebração do Dia da Independência é o momento de cultuar a soberania do País e um dos símbolos disso é a segurança nacional. Para a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, a celebração é uma manifestação da união dos poderes e da sociedade. “É a demonstração de que vivemos uma democracia”, disse.

TRADIÇÃO
 - Muitas famílias assistiram ao desfile, de quase três horas de duração. Vanderleia Lunardi foi com o marido e o filho, seguindo uma tradição da família. “Quando criança, eu desfilava no Interior. Meu marido foi do Exército e também desfilou. Agora estamos trazendo o nosso filho. É importante passar a mensagem de patriotismo, para que ele saiba mais sobre o País”, disse ela. Marx Lunardi, de 11 anos, ao lado dos pais, ficou animado com o que viu. “Queria participar. É bem legal', definiu. E perguntado se conhecia a frase de D.Pedro I, imortalizada no grito do Ipiranga, mostrou que entende de história: “Independência ou Morte”.Edit Castilho, de 72 anos, disse que vem todo ano para o desfile. “Amo o Brasil e amo ser patriota. E amo incentivar os mais jovens a vir”, afirmou, enquanto aguardava a apresentação da neta. Para ela, é preciso resgatar o patriotismo. “ Antigamente você chegava na escola e tinha que cantar o hino nacional. Hoje, nesse momento difícil que o País passa, não podemos abandonar o Brasil”, disse.

DESFILE – O desfile teve a participação do Estado-Maior do Comando da Artilharia Divisionária da 5ª Divisão de Exército, de sugrupamentos da Aeronáutica e da Marinha, de ex-combatentes da Força Expedicionária Brasileira, de ex-integrantes do Batalhão Suez e de Forças de Paz.Abriu o evento a Banda do Cindacta II, com o Hino Nacional e a passagem de representantes da Liga da Defesa Nacional e grupo de Escoteiros do Paraná. Seguiu-se a apresentação da banda Bento Mussurunga, do Colégio Estadual do Paraná, alunos de escolas municipais de Curitiba e de dez escolas estaduais.A Polícia Militar desfilou com pelotões representativos do 1º e 6º Comandos Regionais, do Batalhão de Polícia Ambiental e do Batalhão de Polícia Militar Escolar Comunitária, além de grupamentos motorizados. A Polícia Militar fez uma demonstração dos pelotões do Regimento de Polícia Montada.


PARANÁ ENFRENTA CRISE COM AJUSTE FISCAL


Em entrevista a jornalistas, o governador Beto Richa falou sobre a crise econômica do País e destacou os benefícios do ajuste fiscal no Paraná. “Nos preparamos para enfrentar essa crise com um conjunto de medidas, que incluiu um realinhamento de impostos, mas, principalmente, corte gastos.O ajuste, explicou o governador, permitiu ao Estado atingir um resultado fiscal que o diferencia das demais unidades da federação.

“Atualmente dez Estados estão parcelando a folha de pagamento, enquanto que no Paraná vamos conseguir antecipar o pagamento do décimo terceiro salário do funcionalismo”, completou.Fernanda Richa também ressaltou o dinamismo do Estado na geração de empregos, graças aos novos investimentos industriais, que vem levando progresso a regiões menos desenvolvidas, como o Vale do Ribeira. “Temos quatro cimenteiras se instalando nessa região. Mas os exemplos são vários. Em Ortigueira (na região dos Campos Gerais ), a Klabin está gerando 13 mil empregos”, afirmou.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber