Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Geral

Após Carnaval, governo estende para festas juninas campanha contra Aids

.

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O Ministério da Saúde irá ampliar a campanha de prevenção à Aids em outras festas além do Carnaval. A partir deste ano, a campanha ocorrerá pela primeira vez também em festas de São João no país.
A ação também será estendida para outras festas populares, como a festa do peão de Barretos (SP), a Oktoberfest, em Blumenau (SC), e o Festival de Parintins (AM).
O objetivo é informar e alertar a população sobre o uso de camisinha, a realização do teste de HIV e o início do tratamento, caso necessário.
Cidades com maior concentração de festas juninas, como Campina Grande, João Pessoa, Caruaru, Recife e Salvador, receberam displays nos banheiros dos aeroportos e rodoviárias para retirada de camisinhas. Ao todo, serão distribuídos 160 mil preservativos.
O valor da campanha de prevenção à Aids neste ano é de R$ 35 milhões - deste total, cerca de R$ 20 milhões foram aplicados somente no Carnaval.
TRATAMENTO
O Ministério da Saúde também divulgou números sobre o acesso ao tratamento para quem já foi diagnosticado com HIV. Em um ano, houve aumento de 30% no número de pessoas que iniciaram o tratamento com antirretrovirais no país - passou de 57 mil para 74 mil.
A mudança ocorre após mudança nos protocolos de tratamento, no fim de 2013. Com a alteração, o acesso à terapia passou a ficar disponível a todas as pessoas diagnosticadas com o vírus. Atualmente, cerca de 400 mil pessoas usam esses medicamentos.
Desde os anos 1980, foram notificados 757 mil casos de Aids no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. Apesar de apresentar índices estáveis, com cerca de 39 mil casos novos ao ano, o avanço da epidemia entre os jovens têm preocupado o governo.
Jovens têm hoje a maior taxa de detecção da doença no país, um índice que vêm crescendo nos últimos dez anos. Em 2003, a taxa de detecção da Aids entre os jovens era de 9,6 a cada 100 mil habitantes. Em 2013, ano dos últimos dados disponíveis, essa taxa passou para 12,7.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber