Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Capitão de barco que naufragou com 700 imigrantes é detido

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Promotores disseram ter detido o capitão tunisiano e um sírio que integrava a tripulação do barco que naufragou com 700 pessoas a bordo no mar Mediterrâneo no fim de semana.
Segundo o promotor Rocco Liguori, os dois homens foram indiciados por colaborar com a imigração ilegal. O capitão também foi acusado de homicídio múltiplo por imprudência relacionado ao naufrágio.
Os dois foram detidos dentro do barco que levou os 28 sobreviventes resgatados até a Sicília.
Estimativas iniciais apontam que havia 700 pessoas a bordo do barco que partiu da Líbia, mas um sobrevivente de Bangladesh chegou a mencionar 950, número considerado alto pelas autoridades.
Dificilmente se saberá a quantidade exata porque não há controle sobre quantos partiram da África nem quantos caíram no mar profundo durante a travessia.
Pelo menos 20 navios foram deslocados para o resgate, a 70 milhas náuticas da Líbia.
A maioria dos passageiros do barco que afundou no sábado à noite era da África subsaariana, de países como Eritreia, Somália e Sudão.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber