Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

​Padres são suspensos após descoberta da paternidade em Maringá

.

A Arquidiocese de Maringá divulgou ontem comunidade informando a suspensão de dois padres do ministério sacerdotal. Os sacerdotes foram suspensos porque são pais. Um dos suspensos é o padre Zenildo Megiatto, 65 anos, que se aposentou no início do mês e até então estava lotado na Paróquia Bom Pastor, em Mandaguari. 

O padre será pai de uma criança que deve nascer em março, fruto de um relacionamento com uma ex-ministra de eucaristia. O caso gerou polêmica na cidade. O outro padre suspenso é Rildo da Luz Ferreira, pároco da paróquia Bom Jesus em Aquidaban, que é pai de uma criança de um ano e meio. Com a suspensão, os padres não recebem salários. Segundo as leis canônicas, ambos podem voltar ao sacerdócio quando os filhos completarem 18 anos. A suspensão foi determinada pelo arcebispo de Maringá, Dom Anuar Battisti.

"Lamentamos profundamente o ocorrido e, dentro de uma postura de transparência fortalecida com a as ações de abertura do Papa Francisco, o que tenho a dizer é que qualquer eventual erro do nosso clero deverá sempre ser tratado de acordo com as normas do direito canônico. Que neste caso prevê a suspensão imediata do ministério sacerdotal", comentou o arcebispo de Maringá, Dom Anuar Battisti, em nota.

Confira matéria completa AQUI




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber