Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Busca por pessoas desaparecidas prossegue no ES

.

A Agência Nacional do Petróleo (ANP), cumprindo as normas previstas para a investigação de incidentes, enviou à Petrobras auto de interdição da FPSO Cidade de São Mateus e notificação para apresentação de documentos que serão utilizados na investigação.

Adicionalmente, a concessionária foi notificada a não alterar e nem realizar modificações ou obras na área do incidente, a não ser que haja necessidade crítica de estabilização estrutural.

A FPSO Cidade de São Mateus encontrava-se estabilizada na manhã desta sexta-feira (13). Equipes de bombeiros, da BW e especialistas em salvage, totalizando 17 pessoas, estão a bordo da instalação.

Prosseguem as buscas pelas 4 pessoas desaparecidas. Estas eram as informações disponíveis até o meio-dia desta sexta.

Entenda o caso

A  FPSO Cidade de São Mateus  está localizada no litoral no Espirito Santo, a 40km da costa, e atende aos campos de Camarupim e Camarupim Norte.  Segundo a ANP, o acidente aconteceu às 12h50.

A plataforma produzia 2,250 milhões de metros cúbicos de gás por dia e 350 metros cúbicos de óleo por dia. A produção de gás é escoada por duto para terra. A ANP enviou duas equipes para acompanhar a investigação do acidente.

De acordo com as informações, ocorreu uma explosão na casa de bombas. Não houve derramamento de óleo, o fogo foi debelado e a plataforma estabilizada.

Segundo as informações passadas pela empresa, foram confirmados cinco óbitos e dez feridos. Trinta e três pessoas foram desembarcadas e outras 31 permanecem a bordo, dentre as quais quatro permanecem desaparecidas.

A FPSO recebeu declaração de conformidade da Marinha em 2015 e a ANP fez uma atualização de documentação marítima em setembro de 2014.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber