Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

​Homem mata ex minutos após citar intenção no Facebook

.

Evandro e Daniela enfrentaram um relacionamento conturbado antes da tragédia - Foto: Divulgação
Evandro e Daniela enfrentaram um relacionamento conturbado antes da tragédia - Foto: Divulgação

Um crime com traços passionais chocou os moradores de Bauru, no interior de São Paulo, nesta quinta-feira. Um homem de 38 anos matou a ex-namorada dele, de 25, com um tiro na testa e em seguida cometeu suicídio, também com um tiro na cabeça. O crime aconteceu no escritório de advocacia onde a jovem trabalhava no Jardim Bela Vista, por volta das 11h30.

Evandro José Siqueira não aceitava o término do relacionamento com Daniela Pavanelo Segantin. O casal chegou a morar junto na casa dele.

Pouco tempo antes do ocorrido Evandro, que trabalhava em uma concessionária de carros, publicou em sua página pessoal no Facebook uma mensagem tentando justificar o crime e as razões pelas quais tomaria tal atitude. Além disso, deixou orientações sobre a partilha da herança deixada por ele à família. A página foi tirada do ar por familiares logo após o ocorrido.

De acordo com informações de pessoas próximas ao casal, eles tinham um relacionamento de idas e vindas de aproximadamente três anos. Consultora de vendas de produtos de beleza, Daniela também trabalhava como recepcionista no escritório de advocacia há pouco mais de seis meses e todos no local sabiam do momento conturbado que o casal vivia. A jovem chegou a confidenciar para os amigos de trabalho o medo que alimentava de que o ex-namorado lhe fizesse alguma maldade.

Segundo a polícia, Evandro chegou ao escritório da ex-namorada por volta das 11h30. Estacionou o veículo e interfonou, já que a empresa trabalha com as portas fechadas. De acordo com a Polícia Militar, o homem teve a entrada autorizada, foi até Daniela e efetuou um disparo a queima roupa contra ela, que morreu na hora. Em seguida, ainda no local, ele atirou contra a própria cabeça. Funcionários do escritório, muito chocados, relataram aos policiais que não se ouviu qualquer discussão entre o casal e que foi tudo muito rápido. No momento do crime, três pessoas trabalhavam no andar superior do escritório.

Confira matéria completa AQUI




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber