Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Setor aéreo faz acordo para aumento de 7% no salário de trabalhadores

.

SEVERINO MOTTA
BRASÍLIA, DF - Após audiência de conciliação realizada no TST (Tribunal Superior do Trabalho) nesta sexta-feira (23), dirigentes dos sindicatos das empresas e dos trabalhadores do setor aéreo fecharam proposta de aumento salarial de 7% para comissários, pilotos e funcionários de aeroportos.
O acordo foi feito um dia após paralisação de trabalhadores e também prevê um reajuste de 8,5% no tíquete alimentação e o compromisso de não haver retaliação àqueles que participaram do movimento paredista de quinta-feira (22).
A audiência de conciliação foi comandada pelo vice-presidente do TST, Ives Gandra. De acordo com ele, fechado o acordo com os dirigentes dos sindicatos, patrões e trabalhadores ainda farão assembleias para que a proposta seja homologada pelas categorias.
A expectativa é que as assembleias aconteçam até o próximo dia 27 e as propostas sejam aceitas. Com isso, patrões e empregados voltarão ao TST no dia 28 para assinatura formal do acordo.
Além do incremento salarial, ficou definido que grupos de estudo serão criados para que até o dia 1º de junho um adendo ao acordo, tratando sobre folgas, escalas, limite de diárias e tabelas da jornada de trabalho seja feito.
Segundo Gandra, os valores estabelecidos foram os melhores possíveis dentro da realidade das empresas e da necessidade dos trabalhadores. A audiência de conciliação teve início às 14h e só foi encerrada às 19h30.
"Eu diria que estes termos são os melhores e possíveis no atual contexto de tudo que foi discutido (...) No meu modo de ver é um fantástico acordo graças ao elevado espírito público dos representantes de empresas e aeronautas e aeroviários", disse.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber