Mais lidas
Geral

Ex-secretário permanece em Direitos Humanos como adjunto de Suplicy

.

SÃO PAULO, SP - Após pedido do prefeito Fernando Haddad (PT), Rogério Sottili, permanecerá como adjunto de Eduardo Suplicy na Secretaria de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo.
Ele atuou como titular da pasta nos primeiros dois anos da gestão Haddad. Após costura política para a vinda de Suplicy para o cargo, ele deixou o cargo.
A saída de Sottili desagradou grupos de direitos humanos com quem ele vinha mantendo boa relação, que passaram a criticar a saída dele.
Na visão da gestão, com a permanência dele e da equipe não paralisa projetos que vinham sendo desenvolvidos.
A secretaria ainda ganhará mais visibilidade com Suplicy, que também atuou para manter Sottili na pasta.
Hoje, foi anunciado que o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha (PT) será o novo secretário de Relações Governamentais da prefeitura.
Com o aval do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, ele foi convidado pelo prefeito Fernando Haddad (PT) e aceitou. Atuará no lugar de Paulo Frateschi, também próximo a Lula.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber