Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Professores e alunos da Faculdade Evangélica protestam em Curitiba

.

Professores e alunos da Faculdade Evangélica do Paraná (Fepar) se reuniram às 11h desta quarta-feira (21) em frente à instituição para tentar reverter a demissão em massa dos docentes e o fechamento definitivo de sete cursos de graduação. Por volta do meio-dia, os alunos e professores seguiram em carreata, com cartazes e carro de som, até a sede do Ministério Público do Trabalho (MPT) que fica na Rua Vicente Machado, Centro de Curitiba. Na véspera do Natal do ano passado, a Fepar anunciou o fechamento dos cursos de psicologia, veterinária, nutrição, enfermagem, fisioterapia, gestão ambiental e teologia, bem como a demissão de 135 professores.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Professores de Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana (Sinpes), Valdyr Perrini, a mobilização foi decidida em assembleia realizada na quinta-feira (15). “Estamos pedindo que seja designado um novo administrador para a faculdade e já protocolamos esse pedido no dia sete de janeiro. O nosso objetivo é tentar reverter o fechamento dos cursos e, consequentemente, a despedida de professores e funcionários da Fepar”, relatou.

Procurada pela reportagem do G1, a direção da Fepar informou que não vai se manifestar sobre a mobilização desta quarta-feira. A instituição disse que o interventor designado pela 9 ª Vara do Trabalho determinou o fechamento dos cursos, com exceção do curso de medicina, pois eles eram inviáveis para a faculdade.

Confira matéria completa AQUI

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber