Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

França tomará medidas 'excepcionais' contra terrorismo, diz premiê

.

SÃO PAULO, SP - O primeiro ministro francês, Manuel Valls, afirmou nesta terça-feira (13) que a França deve adotar medidas "excepcionais" para conter o terrorismo, mas que nunca devem ser tomadas medidas "de exceção" que ponham em risco o Estado de Direito. 

"A uma situação de exceção devem responder medidas excepcionais. Mas afirmo com a mesmo força que nunca devem ser adotadas medidas de exceção que revoguem o princípio do Direito e dos valores", disse o premiê em pronunciamento oficial diante de deputados na Assembleia Nacional, a câmara baixa do parlamento da França.

Valls afirmou também que, à ameaça de terrorismo, "a República oferece e oferecerá respostas em solo nacional. Também as oferecerá onde quer que grupos terroristas se organizem para nos ameaçar". 

O premiê reforçou ainda que "a França está em guerra contra o terrorismo, o jihadismo e o islamismo radical, não contra uma religião. A França não está em guerra contra os muçulmanos e o Islã". 

Valls disse que a França adotará novas medidas contra o terrorismo, como atualizar a lista de pessoas suspeitas e de membros de grupos de combate. 

O país deve também aplicar um programa piloto em prisões com o intuito de isolar detentos radicais. 

Além disso, há um projeto de lei para reforçar os serviços antiterrorismo e a vigilância na internet e nas redes sociais, utilizadas para a comunicação entre extremistas.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber