Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Entenda como os militares brasileiros apoiaram a reconstrução do País

.

Esta segunda-feira (12)  marca os cinco anos de uma tragédia que arrasou a economia e infraestrutura do Haiti. Um terremoto de magnitude 7 devastou a ilha, deixando um saldo de destruição irreparável de 200 mil mortos, 300 mil feridos, 4 mil amputados e mais de 1,5 milhão de desabrigados.

No comando da Missão das Nações Unidas de Estabilização do Haiti (Minustah) desde 2004, o Brasil liderou as ações de resgate, de assistência humanitária e de reconstrução - sobretudo da capital Porto Príncipe.

A iniciativa confirmou a vocação das Forças Armadas brasileiras de, em missões de paz, ir além das ações típicas de segurança e defesa.

Brasileiros

O Ministério da Defesa gostaria de prestar homenagem aos 22 brasileiros que faleceram no terremoto – entre eles, a então coordenadora da Pastoral da Criança, dra. Zilda Arns. Deferência especial aos familiares dos 18 militares que perderam a vida na tragédia enquanto serviam à Minustah.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber