Mais lidas
Geral

Associação Nacional de Jornais se solidariza com "Charlie Hebdo"

.

SÃO PAULO, SP - A Associação Nacional de Jornais publicou nota em que se solidariza com o jornal francês Charlie Hebdo, cuja sede sofreu um ataque a tiros hoje.
Leia a nota abaixo:
NOTA À IMPRENSA
A Associação Nacional de Jornais condena o ataque à redação do semanário francês Charlie Hebdo, ocorrido hoje (07/01), no qual foram assassinados pelo menos 12 pessoas, entre as quais alguns dos mais populares cartunistas e jornalistas satíricos da França.
Trata-se de um ato terrorista, injustificável como toda ação do gênero, que além de tirar a vida de colaboradores de um veículo que se caracteriza por abordar a realidade pela via do humor, claramente pretende intimidar a imprensa que não se submete a uma visão de mundo totalitária.
Ao expressar sua solidariedade ao Charlie Hebdo e à imprensa francesa, a ANJ alerta a sociedade brasileira para a importância da liberdade de expressão como instituição essencial à democracia.
Brasília 07 de janeiro de 2015
Francisco Mesquita Neto
Vice-Presidente da ANJ
Responsável pelo Comitê de Liberdade de Expressão

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber