Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

PM detém 19 pessoas após arrastões na virada de ano em Guarujá

.

GILMAR ALVES JR.
GUARUJÁ, SP - A virada de ano nas praias da Enseada e de Pitangueiras, em Guarujá (a 86 km de São Paulo), foi marcada pela violência dos arrastões. No total, 19 suspeitos, entre eles oito adolescentes, foram detidos pela Polícia Militar.
Segundo o delegado Wagner Camargo, plantonista da Delegacia de Guarujá, todos os detidos foram reconhecidos pelas vítimas. Ao menos 13 delas compareceram à delegacia para registrar ocorrência.
Uma das pessoas assaltadas é a turista Jociene Carvalho, 33, que teve o celular levado pelos bandidos no calçadão da Enseada, por volta de 1h desta quinta-feira (1º), quando ela retornava ao carro para voltar à capital paulista. "Eu estava atendendo uma ligação quando eles me abordaram. Disseram todos ao mesmo tempo `Perdeu, perdeu, fica quietinha. Se você chamar a polícia vamos te furar".
A turista correu atrás dos ladrões e diz que conseguiu segurar um adolescente até a chegada da Polícia Militar. "Parecia que não estavam armados. Vi que podia arriscar um pouco", afirmou. Os demais bandidos desse grupo fugiram, e o celular não foi recuperado.
Jociene definiu o episódio como "lamentável" e falou das boas recordações que tem de outras viradas de ano em Guarujá.
Moradora de Guarulhos, a estudante de pedagogia Bárbara Macedo, 29, planejou o Réveillon com antecedência, reservou um hotel para passar a data com a namorada em Guarujá e viu o plano ser frustrado pelos bandidos dois minutos antes da meia-noite, na praia de Pitangueiras.
A universitária diz que preparava o celular para tirar fotos da queima de fogos quando foi surpreendida pelos criminosos. "Nós já estávamos abrindo a champanhe", contou.
"Tinha a expectativa de começar um ano legal e começa dessa forma. É uma sensação horrível. É um bem que você conquistou, que foi difícil para ter, e vem uma pessoa do nada e leva", relata.
AGRESSÃO
De acordo com o delegado Camargo, em um dos arrastões uma menina de colo, de apenas dois anos, foi derrubada junto com a mãe na praia da Enseada pelos bandidos. "Eles já chegaram batendo", afirma Camargo.
Celular e uma câmera fotográfica roubados do marido da vítima foram levados pelos bandidos. A PM conseguiu recuperar os objetos.
Um revólver calibre 38 também foi apreendido durante a ação dos policiais militares, além de celulares de outras vítimas e dinheiro.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber