Mais lidas
Geral

Confronto em festa da virada no litoral deixa sete feridos

.

RICARDO HIAR
CARAGUATATUBA, SP - Um confronto entre policiais militares e pessoas que festejavam a virada do ano em Caraguatatuba, no litoral norte de São Paulo, resultou em cinco detenções e sete policiais feridos na madrugada desta quinta (1º).
O incidente ocorreu no centro da cidade, um dos pontos mais procurados por moradores e turistas para acompanhar a queima de fogos.
De acordo com a PM, alguns proprietários de veículos colocaram o som dos carros num volume superior ao permitido por lei, de 80 decibéis, e foram abordados para abaixar o som.
Eles se recusaram a seguir a orientação dos policiais. Algumas pessoas arremessaram garrafas de vidro e outros objetos contra os policiais e dois carros da corporação que estavam estacionados em frente a um posto de gasolina.
Com o início do confronto, houve reforço da Força Tática e de outros policiais que faziam ronda nas imediações. A PM utilizou bombas de efeito moral, spray de pimenta e balas de borracha.
Não houve registro de feridos entre a população. Já os sete policiais atingidos tiveram ferimentos leves, com exceção de um que sofreu um corte no tendão da mão direita e precisou passar por cirurgia. Todos já receberam alta hospitalar.
"Parecia uma guerra. Estava curtindo a festa da virada com meus amigos quando começou uma correria e vi gente gritando. Corri muito com medo de ser atingida", disse a assistente de produção Janete Sabindo, 35.
O arquiteto Antonio Mendes Cipriano, 40, também ficou assustado com o incidente. "Foi uma correria absurda. Não achei que ia começar o ano assim. Estávamos voltando para casa, quando ouvi o barulho e só pensei em correr com minha mulher e as crianças para a areia da praia, a fim de nos proteger", contou.
A PM afirma que dois dos cinco detidos arremessaram objetos que feriram os policiais. Outros dois foram presos por terem atingido carros da corporação. O quinto detido também atirou objetos, mas não acertou nada. Eles prestaram depoimento e foram liberados. Um inquérito foi aberto para apurar o caso.
Depois que a população se dispersou e o confronto terminou, os policiais deixaram a avenida Arthur Costa Filho, que ficou completamente forrada por cacos de vidro.
Momentos depois, já sem a presença da fiscalização, um grupo de pessoas voltou a abusar do som alto na região central de Caraguatatuba. Também foram registrados muitos casos de venda irregular de bebida e infrações de trânsito na região durante a passagem de ano.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber