Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Tentativa de roubo a caixa eletrônico deixa 2 mortos

.

LUDIMILA GONÇALVES
SÃO PAULO, SP - Dois suspeitos morreram em confronto com policiais no início da madrugada desta quinta-feira (1) na zona leste de São Paulo, após uma tentativa de roubo a uma agência bancária. Os outros oito estão foragidos.

Segundo o coronel Marcelo Franciscon, uma pessoa anônima ligou para a PM e contou que havia uma pessoa armada em frente de uma agência do Banco do Brasil na rua Entrudo, no Jardim Ruth.

Equipes do 2º e 39º Batalhão seguiram até o local e fizeram um cerco a pé. Os policiais foram surpreendidos por um grupo de dez pessoas que saíram atirando com metralhadoras e fuzis de dentro da agência e depois correram. Os policiais de protegeram nos postes e carros que estavam na rua.

PERSEGUIÇÃO
Os policiais foram impedidos de perseguir imediatamente, pois quando passaram na frente da agência, ela explodiu em decorrência das dinamites colocadas pelos assaltantes para explodir os caixas eletrônicos. Um policial foi arremessado a uma distância de cerca de oito metros e sofreu ferimentos leves.

O grupo abandonou dois carros no local e correram a pé. Um Honda preto com dinamites, que foi isolado pela polícia, e o outro veículo que, sem passageiros, desceu em marcha ré e bateu em um Monza ocupado por uma família que voltava da igreja, no cruzamento da avenida Pires do Rio. Ninguém ficou ferido.

Os assaltantes fugiram a pé pelo bairro e outras equipes de policiais saíram a procura do grupo.
Enquanto os policiais procuravam os assaltantes pela região, um morador avisou que um homem mascarado tinha invadido uma casa na rua Erva da Ovelha.

O mesmo morador afirmou que a casa estava vazia porque o proprietário estava em uma festa na casa vizinha. A polícia entrou no local e encontrou o suspeito, que durante a abordagem atirou contra os policiais. Em resposta, a polícia reagiu e baleou o suspeito no quintal da casa. Ele morreu no local.

TENTATIVA DE FUGA
Na sequência, uma outra equipe de policiais avistou um dos suspeitos subindo na garupa de uma moto na rua Erva de Carpinteiro. Durante a abordagem o motoqueiro fugiu abandonando o comparsa. Ele atirou contra os policiais, que reagiram com tiros e ele foi baleado. O suspeito chegou a ser levado com vida pelo resgate ao Hospital Santa Marcelina de Itaquera, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

De acordo com o coronel, os locais onde os suspeitos foram baleados seguem aguardando o trabalho da perícia. O caso foi encaminhado ao 63º Distrito Policial e será investigado pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

EXPLOSIVOS
Uma equipe técnica antibomba foi até o local para desativar as 20 dinamites que estavam dentro do veículo abandonado. Os explosivos foram levados para um local adequado para destruição.

Na explosão, o teto da agência bancária desabou. Vidros e divisórias ficaram estilhaçados.
Todos os locais foram fechados e aguardam a finalização do trabalho da perícia para liberação.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber