Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Geral

Hospital Universitário entra em greve a partir desta segunda

.

SÃO PAULO, SP - O Hospital Universitário da USP (Universidade de São Paulo) aderiu à greve dos servidores da universidade às 12h desta segunda-feira (16). De acordo com a organização, todos os atendimentos de emergência e urgência serão mantidos. Serão suspensos apenas consultas e cirurgias eletivas.
Esta é a primeira vez que o HU entra em greve em 19 anos. Funcionários e professores da USP estão parados desde o dia 27 de maio contra a proposta da reitoria de congelar a discussão sobre reajuste de salários ao menos até setembro.
As duas categorias pedem 9,78% de aumento -inflação (6,78%) mais recomposição de perdas históricas. Tradicionalmente, a reposição salarial ocorre em maio -em 2013, foi de 5,39%.
De acordo com funcionários do HU, a capacidade do hospital é de atender cerca de 700 pacientes por dia, mas a demanda real tem sido de até 1.400 atendimentos. Isso acontece, segundo eles, porque há uma carência de serviços de atenção primária na região do Butantã, zona oeste.
Em Ribeirão Preto, o Hospital das Clínicas da USP está paralisado desde o dia 2 de junho. Os médicos não participam do movimento, formado apenas por enfermeiros, auxiliares de enfermagem e atendentes administrativos.
 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber