Geral

USP decreta luto de três dias por morte de estudante

Da Redação ·
A reitoria da Universidade de São Paulo (USP) decretou hoje luto oficial de três dias por causa do assassinato do estudante Felipe Ramos de Paiva. O jovem era aluno do curso de Ciências Atuariais da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) e foi morto na noite de ontem, no estacionamento da unidade. Em nota, a reitoria lamentou o ocorrido e afirmou que fará reavaliação, em reunião a ser realizada amanhã, do Plano Emergencial de Segurança para a Cidade Universitária. A partir dele, serão definidas as ações e medidas necessárias a serem implantadas de imediato. A reitoria informou que "medidas já vêm sendo tomadas, há algum tempo, para coibir casos de violência no campus, que, infelizmente, refletem a realidade do entorno em que ele está inserido na cidade de São Paulo". Investigação Imagens obtidas através de câmeras instaladas dentro da FEA mostram dois rapazes suspeitos no saguão da unidade. Segundo uma testemunha, eles teriam sido vistos minutos antes no ponto de ônibus próximo ao local e não aparentavam ser estudantes. As imagens estão sendo analisadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), responsável pelas investigações do assassinato.
continua após publicidade