Geral

Juiz autoriza exumação e autópsia do corpo de Allende

Da Redação ·
O corpo do presidente chileno deposto Salvador Allende, morto em 1973, será exumado para ser submetido a uma nova autopsia no dia 23 de maio, determinou hoje o juiz Mario Carroza. O magistrado está encarregado pela Suprema Corte de determinar as causas da morte do ex-governante e de outras 725 vítimas do golpe de Estado de 1973. "Estávamos esperando um relatório do Serviço Médico Legal a respeito das pessoas que vão participar da perícia. Uma vez entregue a lista, decidimos pelo dia 23 de maio", afirmou Carroza. Ele também declarou que os resultados da perícia virão a público. A autopsia será realizada por uma equipe integrada pelo especialista espanhol Francisco Echeverría e buscará determinar as causas exatas da morte de Allende em seu escritório na sede do governo La Moneda. As forças golpistas bombardearam o prédio. Até agora a família de Allende tem aceitado a versão de suicídio usando uma metralhadora ganhada de presente do amigo Fidel Castro. A primeira autopsia do ex-presidente foi realizada no Hospital Militar e o cadáver foi entregue em uma urna lacrada. As informações são da Associated Press.
continua após publicidade