Geral

Operários dizem que núcleo do reator 3 pode ter fratura

Da Redação ·
O núcleo do reator 3 da usina nuclear central de Daiichi, em Fukushima, no nordeste do Japão, apresenta indícios de fratura em seu núcleo, advertiram nesta sexta-feira vários funcionários que atuam na planta, uma situação que, caso seja confirmada, poderá gerar contaminação radioativa muito maior àquela que vem ocorrendo desde o dia 11, quando houve o terremoto seguido de tsunami. O porta-voz do organismo de segurança nuclear japonês, Hidehiko Nishiyama, disse que "algo pode ter sido avariado no reator 3". "Nossos dados sugerem que o reator conserva certas funções de contenção", afirmou o porta-voz, uma insinuação de possíveis danos ao núcleo do reator. Outros funcionários disseram que o problema pode ter ocorrido em outros equipamentos como na tubulação ou no recipiente onde se acondiciona o combustível gasto. As informações são da Associated Press.
continua após publicidade