Geral

Líbia acusa coalizão e rebeldes de violarem cessar-fogo

Da Redação ·
 Ministério da Defesa acusou bombardeios de atingirem civis
fonte: Reprodução/G1.com
Ministério da Defesa acusou bombardeios de atingirem civis

O governo da Líbia acusou nesta segunda-feira (21) a coalizão internacional e os rebeldes contrários a Muammar Kadhafi de violarem o cessar-fogo "reiterado" no domingo à noite pelas Forças Armadas, segundo o Ministério da Defesa, citado pela agência Jana.  

continua após publicidade

"As outas partes não respeitaram o cessar-fogo. As bombas e os mísseis (da coalizão ocidental) seguem caindo sobre a Líbia enquanto os terroristas da al-Qaeda prosseguem seus ataques armados", segundo a agência.  

O ministério voltou a acusar os bombardeios aliados de terem causado a morte de "dezenas de civis" e disse que o governo está respeitando a trégua.  

continua após publicidade

Depois de ter anunciado na sexta-feira um cessar-fogo que não foi respeitado, o governo da Líbia reiterou no domingo o compromisso, em resposta a um pedido da União Africana para um "fim imediato das hostilidades", mas não convenceu os países da coalizão.