Geral

Naoto Kan pede união no Japão para enfrentar crise

Da Redação ·
O primeiro-ministro do Japão, Naoto Kan, apelou aos japoneses para que se unam na recuperação do que ele chamou de a pior crise enfrentada pelo país desde a Segunda Guerra Mundial. Em discurso transmitido pela televisão neste domingo, Kan disse que o futuro da nação será decidido pelas escolhas feitas pelos japoneses e pediu a todos que se unam em sua determinação de reconstruir o país, após o violento terremoto e o tsunami que o seguiu. As estimativas sobre o número de mortos subiram para mais de 10 mil e milhões de sobreviventes permanecem sem acesso à água potável, eletricidade ou comida na costa nordeste do país. As informações são da Associated Press.
continua após publicidade