Geral

Greve de lixeiros em Curitiba dura apenas um dia

Da Redação ·
Os funcionários da empresa responsável pela coleta de lixo em Curitiba entraram em acordo no Tribunal Regional do Trabalho do Paraná (TRT-PR) e encerraram a greve hoje. Eles haviam entrado em greve na manhã de ontem reivindicando reajuste salarial de 20%. O TRT-PR fixou hoje o patamar mínimo de 8,5% de reajuste após uma hora e meia de negociações. O valor definitivo do reajuste, assim como as negociações referentes a outros 81 itens da pauta de reivindicação da categoria, como redução na jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais, continuarão sendo discutidos com a empresa até o dia 23 de março, segundo nota emitida pelo TRT-PR. O presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação de Curitiba e Região (Siemaco), Manassés Oliveira, comunicou no final desta tarde que houve o imediato restabelecimento do serviço público essencial. Caso o serviço não fosse restabelecido, o Siemaco teria que pagar multa de R$ 100 mil por dia.
continua após publicidade