Geral

Refugiados da Líbia e polícia tunisiana entram em choque

Da Redação ·
Policiais tunisianos entraram em confronto hoje com centenas de refugiados bengaleses que fugiram da Líbia. Eles tentaram invadir um armazém da Organização das Nações Unidas (ONU) no campo de refugiados de Ras Ajdir, perto da fronteira com a Líbia. Os refugiados afirmam que não estão recebendo alimentos suficientes da ONU e que seu repatriamento está demorando. Paramilitares tunisianos pediram a jornalistas que observavam o confronto que abandonassem Ras Ajdir. No total, mais de 250 mil pessoas fugiram da Líbia desde que irrompeu a rebelião contra o governante Muamar Kadafi, em meados de fevereiro. Embora dezenas de milhares de refugiados tenham conseguido regressar a seus países de origem, muitos outros, principalmente de Bangladesh, permanecem nos campos de refugiados na Tunísia. Cerca de 4 mil bengaleses foram levados por avião para Bangladesh, mas pouco mais de 10 mil ainda permanecem no campo de Ras Ajdir, disse Philippe Chauzy, porta-voz da Organização Internacional para a Migração (OIM). As informações são da Associated Press.
continua após publicidade