Geral

Polícia prende três homens com roupas do GOE em SP

Da Redação ·
Três homens encapuzados e vestindo roupas com emblemas do Grupo de Operações Especiais (GOE) foram presos ontem em Santo André, no ABC paulista, por resistência e porte ilegal de armas. Com o trio, foram apreendidos celulares, carteiras, relógios, dinheiro, talões de cheques, um distintivo da Polícia Civil, uma espingarda, oito pistolas e uma submetralhadora Eles foram presos em um Vectra por policiais militares que foram designados pelo Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) para averiguar uma denúncia de que quatro homens conduziam um Vectra prata pela favela Tamarutaca. Na Avenida Prestes Maia, os policiais viram o Vectra, que havia saído em alta velocidade da favela. Os policiais acompanharam o carro suspeito por um longo trecho e, no percurso, o Vectra bateu em uma guia de calçada. Quatro homens saíram correndo do carro e, armados, atiraram na direção dos policiais, que revidaram. Um servente, de 24 anos, pulou em um córrego e tentou se esconder sob uma ponte. Os outros três suspeitos seguiram para a favela Sacadura Cabral. Um estudante, de 22 anos, entrou em uma casa vazia, mas rendeu-se logo em seguida. Um comerciante, de 24 anos, também foi detido, e o quarto suspeito conseguiu fugir. O comerciante confessou que tinha roubado apostadores em uma rinha de galos. Os três suspeitos foram encaminhados ao 2º Distrito Policial de Santo André, onde foram autuados por roubo de veículo, resistência, captura de procurado, uso de documento falso e localização, apreensão e entrega de veículo.
continua após publicidade