Geral

Bomba explode em igreja na cidade egípcia de Rafah

Da Redação ·
Uma bomba explodiu hoje na Igreja da Sagrada Família na cidade egípcia de Rafah, na fronteira com a Faixa de Gaza, território palestino ocupado por Israel. Segundo a polícia local, a igreja estava vazia no momento da explosão e não houve vítimas. A polícia egípcia também disse que os autores do ataque removeram uma cruz que ficava do lado de fora da igreja. Eles fugiram e ninguém assumiu responsabilidade pela ação. Em 1º de janeiro, um ataque suicida com bomba contra uma igreja copta na cidade portuária egípcia de Alexandria deixou 21 mortos. Uma semana depois, um policial egípcio matou um cristão a tiros dentro de um trem. Também hoje, na cidade de El-Arish, na mesma região de Rafah, uma explosão em um terminal de gás natural causou um grande incêndio, mas não deixou feridos. Funcionários da empresa que opera o gasoduto, que abastece Síria, Jordânia e Israel, atribuíram a explosão a um vazamento de gás. Oficiais da polícia local, porém, falaram em um ataque a bomba. Rafah e El-Arish ficam na Península de Sinai, que faz fronteira com Israel e a Faixa de Gaza; a região é habitada por tribos nômades de beduínos, que entraram em choque com tropas egípcias nas últimas duas semanas como parte da onda de protestos pela renúncia do presidente Hosni Mubarak.
continua após publicidade