Geral

Farmácias têm de se adaptar até dia 14 para dar remédio

Da Redação ·
As farmácias e drogarias conveniadas ao programa 'Aqui Tem Farmácia Popular' têm até o próximo dia 14 para se adaptar e, assim, começar a oferecer gratuitamente à população medicamentos contra hipertensão e diabetes. A gratuidade dos medicamentos por meio dessa rede foi anunciada hoje pela presidente Dilma Rousseff e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, em solenidade no Palácio do Planalto. A relação dos produtos gratuitos será informada no ponto de venda. O 'Aqui Tem Farmácia Popular' é realizado pelo governo federal em parceria com farmácias e drogarias privadas, que se credenciam espontaneamente ao firmarem convênio com o Ministério da Saúde. Segundo o governo, atualmente o programa beneficia 1,3 milhão de brasileiros por mês, dos quais aproximadamente 660 mil são hipertensos e 300 mil, diabéticos. Por meio do programa, a população tem acesso a 24 tipos de medicamentos para hipertensão, diabetes e mais cinco doenças (asma, rinite, mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma), além de fraldas geriátricas. Para receber os produtos, é necessário que o usuário apresente CPF, documento com foto e receita médica. De acordo com dados do Ministério da Saúde, no Brasil, aproximadamente 33 milhões de pessoas sofrem de hipertensão arterial e 7,5 milhões são diabéticas.
continua após publicidade