Geral

Fogos celebram Réveillon da paz na Penha

Da Redação ·
 Igreja da Penha
fonte: Ernesto Carriço / Agência O Dia
Igreja da Penha

O Réveillon teve um gosto especial para milhares de moradores do Complexo da Penha. Ocupadas pela polícia há um mês, pela primeira vez após vários anos as comunidades passaram a virada sem medo e o som perturbador dos tiros.

continua após publicidade

A Igreja da Penha, ponto concentrador do foguetório, foi toda acesa com luzes coloridas a quatro minutos da meia-noite. Os fogos explodiram, sob aplausos dos moradores, por mais tempo que os de Copacabana: foram 20 minutos de espetáculo.

continua após publicidade

De vários pontos do bairro, foi possível ver uma frase iluminada na lateral do templo, que traduzia as expectativas de todos os cariocas: “Paz em 2011 e para sempre”. O letreiro foi apagado 20 minutos antes da virada. E aos 17 minutos do ano, foi acesa a palavra Paz. Era a surpresa da Penha.

continua após publicidade

“Nos outros anos, via da janela muitas balas traçantes. Este ano são só fogos”, vibrou a dona de casa Sandra Lúcia, de 52 anos. 

Em palco na Praça Santa Emiliana, no conjunto IAPI, vários artistas, entre eles Ed Motta, celebraram a chegada do Ano Novo com os moradores. Às 22h30, o local já recebia pelo menos 2 mil pessoas.