Geral

Reality ajudará a 'corrigir inverdades', diz Sarah Palin

Da Redação ·
 Sarah Palin acredita que vai ajudar a melhorar a popularidade
fonte: Divulgação
Sarah Palin acredita que vai ajudar a melhorar a popularidade

A ex-candidata a vice-presidente dos Estados Unidos, Sarah Palin, disse nesta quarta-feira (10) que espera que sua participação num reality show, em breve, “ajudará a corrigir algumas inverdades”.
 

continua após publicidade

“O Alasca de Sarah Palin”, programa que acompanhará a vida da ex-governadora do estado deve estrear no canal a cabo americano TLC no próximo domingo e promete levar ao ar cenas da republicana com os cinco filhos observando ursos, pescando, andando de caiaque, entre outras atividades.
 

Mas o marido da republicana, Todd Palin, disse que não está contando com o programa para melhorar a popularidade da família com seus críticos.
 

continua após publicidade

“Não é uma prioridade fazer o programa para convencer as pessoas a gostar de nós”, disse em uma entrevista à revista americana "People". “Nossa vida inteira estará sendo observada. Nós queremos divulgar o Alasca. Isso pode ser uma coisa positiva”, disse.
 

Sarah Palin descreve o programa como uma oportunidade para mostrar as belezas naturais do Alasca e “seu povo trabalhador”. Ela também disse querer que o público veja que sua filha Bristol –mãe solteira e uma das competidoras do “Dancing with the Stars” (a “Dança dos Artistas” na versão brasileira)- não é uma “diva”.
 

Candidatura à Presidência


A ex-governadora contestou recentemente comentários do estrategista republicano Karl Rove de que a participação no programa poderia prejudicar uma eventual candidatura dela à Presidência pelo partido.
 

continua após publicidade

“Gostaria que Karl Rove viesse ao Alasca e me visse vivendo num mundo de homens”, disse.
 

A gravação do programa, que terá oito capítulos, é a terceira investida recente da ex-governadora na mídia, após a divulgação de seu livro de memórias “Going Rogue”, no ano passado, e o anúncio de um novo livro a caminho: “America by Heart”.
 

Questionada pela revista se pretende se candidatar à Presidência dos EUA, Palin reiterou suas intenções. “Se houver uma oportunidade de eu ajudar a colocar de novo o país nos trilhos, eu farei isso”, disse.