Geral

Forbes:Dilma é a 16ª pessoa mais poderosa do mundo

Da Redação ·
 A presidente eleita do Brasil, Dilma Rousseff, acena para eleitores na saída de sua casa, em Brasília
fonte: Adriano Machado/01.11.2010/Reuters
A presidente eleita do Brasil, Dilma Rousseff, acena para eleitores na saída de sua casa, em Brasília

A presidente eleita do Brasil, Dilma Rousseff, foi considerada a 16ª pessoa mais poderosa do mundo pela revista americana Forbes, famosa, entre outras coisas, pelas listas de bilionários e influentes que elabora regularmente.

continua após publicidade

Dilma aparece à frente de personalidades mundiais, como o presidente da empresa Apple, Steve Jobs (17º), o presidente da França, Nicolas Sarkozy (19º), e a secretária de Estado americana, Hillary Clinton (20ª).

continua após publicidade

Em primeiro lugar na lista da Forbes aparece o presidente da China, Hu Jintao. Fecham o pódio o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e o rei da Arábia Saudita, Abdullah bin Abdul Aziz al Saud.

continua após publicidade

A revista ressalta a trajetória política de Dilma e lembra o fato de que ela será a primeira mulher a ocupar o posto mais alto do país mais influente da América do Sul, dono da maior economia da América Latina.

Outro brasileiro que aparece na lista é o empresário Eike Batista (58º), presidente da empresa EBX, homem mais rico do Brasil (patrimônio de quase R$ 50 bilhões) e - não custa lembrar - ex-marido da modelo Luma de Oliveira.

continua após publicidade

Curiosamente, Batista - "amante dos superlativos, tanto na vida pessoal quanto na profissional", de acordo com a Forbes - aparece apenas uma posição atrás do líder da rede terrorista Al Qaeda, o saudita Osama bin Laden.

continua após publicidade

Veja a lista das 20 pessoas mais poderosas do mundo de acordo com a Forbes.

1 - Hu Jintao, presidente da China;
2 - Barack Obama, presidente dos Estados Unidos;
3 - Abdullah bin Abdul Aziz al Saud, rei da Arábia Saudita;
4 - Vladimir Putin, primeiro-ministro da Rússia;
5 - Papa Bento 16, líder da Igreja Católica;
6 - Angela Merkel, chanceler da Alemanha;
7 - David Cameron, primeiro-ministro do Reino Unido;
8 - Ben Bernanke, presidente do Banco Central dos EUA;
9 - Sonia Gandhi, presidente do Congresso da Índia;
10 - Bill Gates, fundador da Microsoft;
11 - Zhou Xiaochuan, presidente do Banco Popular da China;
12 - Dimitri Medvedev, presidente da Rússia;
13 - Rupert Murdoch, presidente da News Corp;
14 - Silvio Berlusconi, primeiro-ministro da Itália;
15 - Jean-Claude Trichet, presidente do Banco Central Europeu;
16 - Dilma Rousseff, presidente eleita do Brasil;
17 - Steve Jobs, presidente da Apple;
18 - Manmohan Singh, primeiro-ministro da Índia;
19 - Nicolas Sarkozy, presidente da França;
20 - Hillary Clinton, secretária de Estado dos EUA.