Geral

Polícia oferece R$ 2 mil por suspeitos de comandar chacina

Da Redação ·
Procurados pela polícia
fonte: Divulgação
Procurados pela polícia

A central disque-denúncia está oferecendo uma recompensa de R$ 2 mil por informações que levem a prisão de Vinicius Anselmo de Araújo da Luz, o Vinicinhos ou Jogador, Renato Ramos da Fonseca, o Renatinho, e Luis Fernando Nascimento Ferreira, o Nando Bacalhau, este último chefe do tráfico de drogas da localidade.

continua após publicidade

Vinicinhos e outros acusados atuam no Morro do Chapadão, na Pavuna, zona norte do Rio de Janeiro. Eles são acusados de terem participado da chacina da rua Cruz da Fé, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, no dia 24 de outubro de 2010, onde morreram cinco pessoas e dez ficaram feridas.

continua após publicidade

A chacina aconteceu durante uma festa de aniversário, onde ocorria um churrasco para parentes e amigos de uma das vítimas. O principal acusado é o traficante Vinicinhos, pois as investigações indicam que ele teria comandado o massacre tendo como alvo o atual marido da sua ex-mulher, que estava na festa.

continua após publicidade

A perícia do local do crime apontou cartuchos de armas de uso restrito das Forças Armadas e cápsulas de fuzil. Foram recebidas até esta quarta-feira (3) 41 informações sobre a possível localização dos criminosos.

Quem tiver qualquer dado que auxilie nas investigações e ajude a polícia a localizar e prender os criminosos pode ligar para o disque-denúncia através do telefone (21) 2253-1177. Serão pagos R$ 2 mil pela prisão de cada um dos procurados e por informações passadas exclusivamente ao disque-denúncia. O serviço funciona 24 horas e garante o anonimato.