Geral

Vazamento de lama tóxica mata três e fere mais de 60

Da Redação ·
 Enxurrada de lama tóxica empilhou carros em Devecser, na Hungria; ao menos três pessoas morreram em acidente
fonte: Attila Kisbenedek/04.10.2010/AFP
Enxurrada de lama tóxica empilhou carros em Devecser, na Hungria; ao menos três pessoas morreram em acidente

O governo da Hungria decretou estado de alerta nesta terça-feira (5) em três departamentos do oeste do país, ameaçados por um vazamento tóxico após um acidente em uma fábrica de alumínio. Ao menos três pessoas morreram e 60 ficaram feridas.

continua após publicidade

De acordo com comunicado do Ministério do Interior, o produto que vazou da fábrica é chamado de lama vermelha, resíduo tóxico da produção do alumínio. O material é muito corrosivo e contém chumbo.

continua após publicidade

- O governo proclamou estado de alerta nos departamentos de Veszprém, Gyor-Moson-Sopron e Vas após o vazamento de lama vermelha.

continua após publicidade

Nesta segunda-feira (4), um depósito de lama vermelha de uma fábrica em Ajka, que fica 165 km ao oeste de Budapeste, se rompeu por razões ainda desconhecidas. O líquido tóxico foi derramado em várias localidades.

O secretário de Estado do Ministério do Meio Ambiente, Zoltan Illés - que visitou Kolontar, uma das cidades afetadas - disse que esse é o acidente químico mais grave da história da Hungria.

continua após publicidade

- O vazamento de lama vermelha é uma catástrofe ecológica.

continua após publicidade

De acordo com especialistas, a produção de uma tonelada de alumínio gera quase três toneladas de lama vermelha.

Copyright AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados