Mais lidas
Ver todos

    Geral

    Mulher morre após fazer escova progressiva

    A vítima já sofria de asma e bronquite e o formol pode ter agravado o problema. Foto: Reprodução/ R7)
    Foto por
    Escrito por REDAÇÃO
    Publicado em Editado em
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

    Marcia Gomes Alves Fernandes, de 48 anos, morreu após passar mal depois de ter feito uma escova progressiva nos cabelos em Pindamonhangaba, em São Paulo. Na certidão de óbito, a causa da morte consta como insuficiência respiratória aguda.  Ela chegou a ser socorrida e levada ao hospital da cidade, mas morreu um dia depois

    A família de Marcia não sabe em qual salão ela fez o procedimento estético ou se ela fez na própria casa com a ajuda de alguém. No entanto, os familiares esperam que o caso não fique impune e que sirva de exemplo.

    De acordo com a dermatologista Sabrina Frossard, entrevistada pelo R7, o produto utilizado para fazer a famosa escova progressiva é a base de formol, o que é perigoso à saúde. “O formol é uma substância tóxica e cancerígena. Ele pode causar câncer a longo prazo. E os efeitos a curto prazo são mesmo irritação de pele, na área dos olhos e, inclusive, das vias aéreas por inalação”, disse a profissional.

    A vítima já sofria de asma e bronquite e o formol pode ter agravado o problema. De acordo com Sabrina, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) libera a concentração de formol de no máximo 0,2%. 

    Com informações da RicMais

    Gostou desta matéria? Compartilhe!
    TNTV
    TNTV

    Jornal da Tribuna 2ª Edição - 01/07

    Deixe seu comentário sobre: "Mulher morre após fazer escova progressiva"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.