Geral

Contra carisma de Chávez, oposição tem candidata 'gata'

Da Redação ·
Mara Corina durante campanha na Venezuela
fonte: Daniel Buarque/G1.com
Mara Corina durante campanha na Venezuela

O motoqueiro para em frente à candidata à Assembleia Legislativa da Venezuela e pede para tirar uma foto. Ganha um abraço e sai todo sorridente.
 

continua após publicidade

Em vez de falar das propostas da mulher que quer ser deputada e fazer oposição ao governo Hugo Chávez, o comentário dele é outro: "Ela é muito gata (guapa, em espanhol)".
 

A beleza não faz parte da plataforma política de Mara Corina Machado, uma candidata séria, que trabalha há anos com uma ONG importante no país e que decidiu se candidatar nas eleições parlamentares para se colocar contra o governo.
 

continua após publicidade

Mesmo assim, seu rosto está espalhado pela Venezuela, chamando os eleitores a votar na oposição e mudar. E, se esta for uma arma contra o carisma do presidente Hugo Chávez, a oposição está achando ótimo.
 

O portal G1 acompanhou uma caminhada da candidata na tarde de quinta-feira (23), no estado de Miranda, pelo qual tenta ser eleita deputada. Sua campanha calcula que sejam necessários 400 mil votos para conseguir este feito, e Corina parece disposta a tentar conquistar cada um deles.
 

Simpática, ela caminhava entre a população, que ficou presa no enorme engarrafamento causado pelas movimentações do último dia de campanha na Venezuela. Ela entrava em ônibus, falava com todas as pessoas e tirava fotos com eleitores que mais pareciam fãs.
 

A campanha dela se diz confiante na vitória na votação de domingo (26), quando a Venezuela escolhe todos os deputados que formam a Assembleia Nacional, centro do Poder Legislativo do pas. Uma das envolvidas na campanha, a professora Antonieta Anglade se disse confiante de que Corina e os outros candidatos da oposio vão conquistar mais de que as 55 cadeiras necessárias para retirar do governo Chávez a maioria absoluta na Assembleia.