Geral

Ataque suicida mata 8 pessoas em Bagdá

Da Redação ·

Militantes detonaram um carro-bomba em uma base militar em Bagdá, matando oito pessoas e ferindo 29, segundo oficiais iraquianos. Imediatamente depois que o carro explodiu, um homem armado entrou no quartel, provocando um combate que durou cerca de 15 minutos, segundo policiais.

continua após publicidade

O porta-voz do Ministério da Defesa, major-general Mohammed al-Askari, disse à Associated Press TV que alguns dos homens estavam usando cintos com explosivos e planejavam uma segunda explosão. "O plano era atingir duas vezes", disse ele. "Primeiro com um carro e então com suicidas".

continua após publicidade

Representantes da política e de hospital disseram que duas pessoas foram mortas na explosão e outras seis morreram na troca de tiros. Havia cinco soldados entre os mortos.

continua após publicidade

O prédio atacado no domingo é o quartel da 11ª divisão do exército iraquiano e um centro de recrutamento. Em meados de agosto, o prédio foi alvo de um ataque suicida que matou 61 pessoas que estavam em fila esperando recrutamento.

As forças do Iraque são responsáveis na proteção do país depois que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou fim das operações de combate norte-americanas na quarta-feira. As informações são da Associated Press.