Geral

Earl perde força e se torna furacão de categoria 1

Da Redação ·

O furacão Earl perdeu mais força hoje e, por volta do meio-dia, foi rebaixado para a categoria 1 na escala Saffir-Simpson, enquanto se dirigia para nor-noroeste, nas proximidades da área de Cape Cod, no Estado de Massachusetts, nos Estados Unidos, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC, pela sigla em inglês) em seu site.

continua após publicidade

Segundo o informe publicado pelo NHC às 11 horas (horário local, 12 horas em Brasília), a velocidade dos ventos do furacão é de 136 quilômetros por hora. No entanto, sua velocidade de movimentação continua a subir. O Earl se move a 33 quilômetros por hora para o nordeste e está localizado a 563 quilômetros de Nantucket, também em Massachusetts.

continua após publicidade

O NHC reduziu, porém, o aviso de furacão para regiões de Massachusetts, além de retirar um alerta de tempestade tropical para o oeste de Long Island (Nova York) e para a costa de Connecticut, a oeste de New Haven.

continua após publicidade

Auxílio

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou hoje os Estados de Massachusetts e da Carolina do Norte como áreas de desastre, antecipando-se a possíveis estragos que podem ser causados pelo furacão Earl. Além disso, o líder norte-americano já mobilizou auxílio federal para a área.

continua após publicidade

"A ação do presidente autoriza o Departamento de Segurança Interna e a Agência Federal de Gerenciamento de Emergências (FEMA, na sigla em inglês) a coordenar todos os esforços para lidar com o desastre", afirmou um comunicado da Casa Branca. A intenção da iniciativa, segundo o texto, é fornecer a assistência adequada para as medidas de emergência, a fim de reduzir possíveis danos à da população local por conta da passagem do furacão. As informações são da Dow Jones.