Geral

Teste de DNA sobre paternidade de Lugo dá negativo

Da Redação ·
 Paraguaia Hortensia Morán chega com o filho de três anos, no último dia 24 de agosto, para colher sangue para teste de DNA
fonte: Norberto Duarte/24.08.2010/AFP
Paraguaia Hortensia Morán chega com o filho de três anos, no último dia 24 de agosto, para colher sangue para teste de DNA

O primeiro teste de DNA realizado pelos três laboratórios para analisar uma suposta paternidade do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, deu negativo, informou nesta quarta-feira (1º) a responsável pelo pedido, Hortensia Morán.

continua após publicidade

- Estou surpresa pela forma e a rapidez com que este laboratório deu os resultados. Eles aparecem em uma folha solta e com muitas coisas que não se enquadram.

continua após publicidade

Hortensia disse que aguardará os demais resultados para depois tomar uma decisão sobre como agir.

continua após publicidade

Lugo, que trata um câncer linfático e faz tratamento de quimioterapia, fez o exame de DNA por determinação da Justiça no caso envolvendo a paternidade de Juan Pablo, de três anos, filho de Hortensia.

Segundo a mulher, Juan Pablo foi gerado no início de 2008, durante a campanha eleitoral à presidência do Paraguai.

continua após publicidade

Os outros dois laboratórios que realizam os testes estão no Brasil e nos Estados Unidos, e devem divulgar seus resultados em um prazo de até 40 dias após o exame, realizado no dia 24 de agosto.

continua após publicidade

O presidente paraguaio, ex-bispo católico de 59 anos, responde a outro processo de paternidade movido por Benigna Leguizamón, mãe de Lucas Fernando, de 7 anos.

Lugo já reconheceu Guillermo Armindo, de 4 anos, como seu filho com Viviana Carrillo, de 25 anos.

Copyright AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados