Geral

Simpsons previram eleição de Donald Trump e derrocada dos EUA

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "O país está quebrado". É com essa frase que Lisa Simpson, personagem do desenho animado "Os Simpsons", resume a situação econômica do EUA no ano de 2030, logo após a passagem de Donald Trump pela presidência dos EUA.

continua após publicidade

A eleição do bilionário foi prevista pelo seriado animado em um episódio que foi ao ar em 2000. Naquela época Trump já manifestava interesse em concorrer à Casa Branca. No desenho, Lisa herda do antecessor um país afogado em dívidas e mergulhado numa grave crise econômica.

Essa não foi a única vez que os roteiristas dos Simpsons satirizaram as pretensões políticas de Trump. Numa chamada para a série, divulgada em 2015, Homer recebe dinheiro para apoiar o candidato republicano.

continua após publicidade

Numa das cenas mais famosas do clipe, chamado "Trumpastic Voyage", Homer acompanha o bilionário na escada rolante da Trump Tower enquanto algumas pessoas seguram cartazes e pedem apoio ao republicano. A cena foi inspirada em um acontecimento real.

Já num vídeo divulgado em agosto deste ano, Trump aparece com um cachorro como peruca e uma seleção de discursos de Adolf Hitler como livro de cabeceira.