Geral

Obama dá bronca em ativista que interrompeu seu discurso

Da Redação ·
​“O amor venceu”. Com esta frase publicada no Facebook, o presidente americano, Barack Obama, comemorou uma decisão histórica - Foto: Arquivo
​“O amor venceu”. Com esta frase publicada no Facebook, o presidente americano, Barack Obama, comemorou uma decisão histórica - Foto: Arquivo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "Ouça, você está em minha casa. Isto é desrespeitoso." Com essas palavras, o presidente americano, Barack Obama, repreendeu uma ativista que o havia interrompido durante um discurso na Casa Branca nesta quarta-feira (24).

continua após publicidade


A ativista, supostamente uma imigrante transgênero chamada Jennicet Gutiérrez, interrompeu uma fala de Obama durante um evento do mês do orgulho LGBT (sigla para Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros). Seu objetivo seria denunciar a falta de atenção do governo em relação aos imigrantes LGBT nos Estados Unidos.


Após dar uma "bronca" na ativista e continuar a ser interrompido, Obama pediu que ela fosse retirada do Salão Leste. 

continua após publicidade


"Em geral, eu não me preocupo com pessoas me importunando. Mas não quando estou na Casa Branca", disse o presidente, recebendo um tapinha do vice-presidente Joe Biden em suas costas.
Após o incidente, Obama disse que, "se os convidados estão comendo os canapés e bebendo", espera-se que eles ouçam respeitosamente.


Interrupções são comuns quando Obama dá discursos em eventos comuns. Já as interrupções na Casa Branca são raras, pois os eventos costumam ser restritos a alguns convidados.