Geral

​Acidentes em estradas do PR já mataram seis pessoas no feriadão

Da Redação ·
Radares móveis são usados pela PRF para fiscalizar estradas - Foto: PRF
Radares móveis são usados pela PRF para fiscalizar estradas - Foto: PRF

Acidentes ocorridos em estradas paranaenses desde o início da Operação Corpus Christi, às 14 horas de quarta-feira (3) até a manhã desta sexta-feira (5), já provocaram a morte de seis pessoas. Todos os óbitos foram registrados em rodovias estaduais. Juntas, as rodovias federais e estaduais do Paraná tiveram 144 acidentes e 78 pessoas feridas.

continua após publicidade

O caso mais grave ocorreu no fim da manhã de quinta-feira (4), em Tamarana, na região de Londrina, onde cinco pessoas morreram em um único desastre. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), dois carros bateram na altura do km 12 da PR-445. Os três ocupantes de um dos carros – incluindo um bebê de um ano de idade – morreram no local do acidente. Do outro carro, duas tiveram morte instantânea e outras duas foram levadas ao Hospital Universitário de Londrina, em estado grave.

Nas rodovias estaduais foram registrados 49 acidentes, com 19 feridos. Segundo a PRE, os policiais rodoviários autuaram 804 motoristas. Além disso, 2461 condutores devem ser multados, depois de terem sido flagrados por radares.

continua após publicidade

Rodovias federais

Nenhuma morte havia sido registrada até o fim da manhã desta sexta-feira, nas rodovias federais que cruzam o Paraná. Segundo um levantamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF), havia ocorrido 95 acidentes, que provocaram ferimento em 57 pessoas. Pelo menos, 271 motoristas foram autuados por ultrapassagens proibidas. Outros 2,3 mil tiveram as placas de seus veículos capturadas pelos radares da PRF, por transitar em velocidade acima da permitida. A PRF flagrou, ainda, 46 motoristas embriagados, dos quais dez foram presos.