Geral

​Preso pela PRF, peruano transportava 460 comprimidos de medicamentos abortivos

Da Redação ·
Foto: Divulgação PRF
Foto: Divulgação PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu em flagrante na madrugada desta quarta-feira (3) um homem de nacionalidade peruana que transportava 460 cápsulas de emagrecedores e abortivos.

continua após publicidade

A prisão ocorreu em Guarapuava, região central do Paraná.

A maior parte dos medicamentos estava escondida em duas embalagens de batatas fritas. As latas eram transportadas na bagagem de mão do peruano, que estava entre os passageiros de um ônibus que saiu de Foz do Iguaçu (PR) com destino à Curitiba (PR). Os policiais rodoviários federais abordaram o ônibus no quilômetro 319 da BR 277, em frente ao posto de fiscalização Guará.

continua após publicidade

O homem resistiu à prisão, mas foi dominado pela equipe da PRF, que precisou fazer uso de spray de pimenta. Entre os medicamentos apreendidos estão 450 comprimidos de Mazindol e dez de Cytotec. A pena para quem importa, distribui ou vende medicamentos de forma irregular no Brasil é de dez a 15 anos de reclusão, conforme o artigo 273 do Código Penal. A PRF encaminhou o preso e os medicamentos para a Delegacia da Polícia Federal em Guarapuava.