Geral

Torre Eiffel fecha para visitação por conta de greve geral

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Torre Eiffel fecha para visitação por conta de greve geral
Torre Eiffel fecha para visitação por conta de greve geral

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Torre Eiffel permaneceu fechada nesta quinta-feira (9), assim como diversas escolas ao redor da França, por conta de um dia nacional de greves e manifestações, ao qual se incorporam também os controladores de tráfego aéreo, paralisados desde esta quarta (8).

continua após publicidade


Funcionários da Torre Eiffel optaram por não abrir a atração turística para visitação até as 18h desta quinta (14h em brasília) para demonstrar solidariedade às outras categorias paralisadas.


As categorias que paralisaram suas atividades nesta quinta incluem principalmente trabalhadores do setor público, como professores, ferroviários, agentes de saúde, funcionários do setor de energia, entre outros.
A greve geral expressa um descontentamento em relação ao plano do governo que reduziria garantias de proteção nos locais de trabalho, hoje garantida por empregadores.
Voos
Em um movimento paralelo, o principal sindicato dos controladores de voo, o SNTCA, convocou uma paralisação iniciada na quarta, provocou o cancelamento de voos de diversas companhias.
O sindicato, contrário à proposta do governo de aumentar a idade de aposentadoria da categoria dos 57 para os 59 anos, planeja outras paralisações para as próximas semanas.