Geral

​Adolescente confessa ter matado a madrinha em Curitiba, diz polícia

Da Redação ·
Aline Cabral, de 35 anos, foi morta em 25 de março na casa dela (Foto: Reprodução/ Facebook)
Aline Cabral, de 35 anos, foi morta em 25 de março na casa dela (Foto: Reprodução/ Facebook)

Um adolescente de 16 anos confessou, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná, ter matado a madrinha dele, Aline Cabral, de 35 anos, dentro da casa dela no bairro Xaxim, em Curitiba. Os investigadores chegaram ao rapaz após análise de impressão digital.

continua após publicidade

O jovem afirmou à polícia que teve um surto psicótico. Ele também disse que não se recorda completamente do crime.

Aline foi encontrada morta pela mãe dela na noite de 25 de março. Segundo a secretaria, ela foi atingida nas costas por um taco de beisebol e morta com diversas facadas no pescoço.

continua após publicidade

As impressões digitais do adolescente foram encontradas em partes de uma cadeira que, de conforme a polícia, foi utilizada para golpear Aline.

Ainda segundo a Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná, o adolescente foi encaminhado para o Centro de Socioeducação de Curitiba (Cense), onde ficará apreendido e à disposição da Justiça.