Geral

​Dilma e Lula lamentam morte de filho de Geraldo Alckmin

Da Redação ·
Thomaz deixou duas filhas, uma de dez anos e outra recém-nascida - Foto: Twitter
Thomaz deixou duas filhas, uma de dez anos e outra recém-nascida - Foto: Twitter

A presidente Dilma Rousseff lamentou a morte do filho mais novo do governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) em um acidente aéreo na noite desta quinta-feira.

continua após publicidade

"Com muito pesar e tristeza, apresento ao governador Geraldo Alckmin e a sua esposa Senhora Maria Lúcia Alckmin meus sinceros e profundos pêsames pela morte de seu filho Thomaz Alckmin, que estava entre as vítimas do trágico acidente de helicóptero, ocorrido em São Paulo. Presto, neste momento de dor e consternação, minha solidariedade e sentidos pêsames aos pais, familiares e amigos das vítimas."

Ex-presidente Lula 

continua após publicidade

O ex-presidente Lula ofereceu condolências ao governador de São Paulo e a toda a sua família, assim como aos parentes e amigos do piloto Carlos Haroldo Esquerdo Gonçalves e dos outros tripulantes do helicóptero.

"Diante de uma tragédia onde não há palavras que possam confortar pais, esposas e filhos, estendemos nosso abraço e nossa fé que os entes queridos permanecerão para sempre conosco na paz de Deus e em nossos corações", disse o petista por meio de nota.

Presidente do PT, Rui Falcão 

O presidente do PT também prestou solidariedade ao governador paulista pela tragédia ocorrida em Carapiuíba. "Tristeza profunda", escreveu Rui Falcão em seu perfil no Twitter.  "Meus sentimentos ao governador Geraldo Alckmin, à dona Lu e à família pela perda do filho Thomaz Alckmin", completou.

Confira matéria completa AQUI