Geral

Incêndio atinge sala de cinema em shopping 

Da Redação ·
Chamas teriam começado no shopping (Foto: Aline Nobre/ EGO)
Chamas teriam começado no shopping (Foto: Aline Nobre/ EGO)

Um incêndio atingiu o shopping Downtown, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, no fim da tarde deste domingo (15). As chamas atingiram um gerador na parte externa do prédio, perto das salas de cinema do shopping. O começo das chamas foi avistado pelo tenente-coronel Emerson Leão, comandante do Batalhão do Corpo de Bombeiros de Vila Isabel, que passeava pelo local e planejava ir ao cinema com a mulher, a também coronel Maria Lúcia Fecha, e o filho do casal.

continua após publicidade

Enquanto Maria Lúcia acionava os bombeiros, Emerson foi até as 12 salas de cinema, que estavam lotadas, e ajudou a tirar todos os espectadores com a colaboração das equipes de segurança do shopping.
"Eu abria as salas de cinema, me apresentava e dizia que o cinema estava pegando fogo. Mas as pessoas não acreditavam," contou Emerson. Ele disse que só conseguia convencer as pessoas que lá estavam quando mostrava um vídeo gravado em seu celular. De acordo com os bombeiros que participam do trabalho de rescaldo, ninguém ficou ferido no acidente, que foi rapidamente controlado.

A Rede Cinemark confirmou que o incêndio começou na área do gerador - que fica fora da área de circulação do público - e foi rapidamente controlado. Informou ainda que o público foi evacuado com toda a segurança, sem danos, e que o complexo deve ser reaberto em breve.

continua após publicidade


Segundo informações de frequentadores do shopping, todas as pessoas foram retiradas pela brigada de incêndio.  Os seguranças do shopping informaram que o incêndio começou às 17h30. Os bombeiros chegaram em 10 minutos ao local, de acordo com o tenente-coronel Luciano Sarmento, comandante do Grupamento de Busca e Salvamento da Barra da Tijuca, que afirma que o trabalho de controle das chamas transcorreu sem problemas. "O incêndio foi totalmente controlado em 10 minutos.

A importância do socorro ter sido chamado cedo ajudou a não termos vítimas e as chamas serem contidas rápido," disse ele, afirmando ainda que 60 homens trabalharam na operação. Segundo clientes do shopping, a praça de alimentação, que fica embaixo dos cinemas, está interditada. Arnaldo Szpiro, dono de um restaurante que funciona na praça de alimentação, sentiu um cheiro forte de queimado e disse que ficou com medo das faíscas atingirem as lojas e os clientes. Os blocos 17 e 21, mais próximos de onde ficam os cinemas, estão interditados.