Geral

Movimentos sociais fazem manifestações em defesa da Petrobras

Da Redação ·
​Sem terra bloqueiam rodovias em pedágios de Arapongas, Mauá da Serra e Mandaguari - Foto: MST
​Sem terra bloqueiam rodovias em pedágios de Arapongas, Mauá da Serra e Mandaguari - Foto: MST

O movimento que acontece nesta sexta-feira (13) também em estados da região amazônica é coordenado pela CUT, a Central Única dos Trabalhadores, e apoiada por centrais sindicais, movimentos sociais e estudantis.

Uma das pautas das manifestações é pela defesa da Petrobras. A empresa é alvo de denúncia de esquema de lavagem e desvio de dinheiro investigados pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

Em Macapá, no Amapá, as mobilizações em favor da democracia, dos direitos trabalhistas e pela reforma política começaram hoje pela manhã com uma caminhada da Praça da Bandeira até a Praça do Forte. Acre, Maranhão e Mato Grosso também tiveram manifestação durante a manhã.

Agora à tarde, estão programadas mobilizações em Tocantins, Amazonas, Roraima, Pará e outro ato político no Maranhão.

Em Rondônia, o protesto aconteceu na quinta-feira com uma caminhada que terminou em frente ao Palácio Getúlio Vargas, sede do governo do estado.

continua após publicidade