Geral

Manifestantes pedem mais autonomia para a Catalunha

Da Redação ·

Centenas de milhares de pessoas marcharam ontem no nordeste espanhol, em apoio ao estatuto de autonomia da região da Catalunha. A manifestação ocorre após o texto ser em parte contestado pela Corte Constitucional da Espanha. O estatuto foi aprovado anteriormente pelo Parlamento espanhol e endossado pelos eleitores catalães em um referendo de 2006. O documento concede a parlamentos regionais poderes sobre impostos e temas judiciais, bem como mais controle sobre aeroportos, portos e imigração.

continua após publicidade

Em 28 de junho, a Corte Constitucional decidiu que o texto era legal, mas removeu partes importantes da lei. A decisão judicial, publicada ontem, afirma que o termo "nação" definindo a Catalunha no estatuto não tem valor legal, porque "a Constituição somente conhece uma nação, a Espanha". O estatuto tem o apoio da grande maioria dos partidos políticos da Catalunha. Nessa região, apenas uma minoria quer que a região rica, com língua e cultura distintas, se separe da Espanha. O estatuto foi uma das primeiras iniciativas do governo socialista do primeiro-ministro José Luis Rodríguez Zapatero, ao assumir em 2004. A Catalunha tem 7 milhões dos 47 milhões de habitantes da Espanha. Essa região responde por um quarto do Produto Interno Bruto (PIB) espanhol. As informações são da Dow Jones.