Geral

​Sem leitos, pacientes passam a noite deitadas no chão de hospital no PR

Da Redação ·
Outros pacientes registraram as duas adolescentes acomodadas sobre um cobertor no chão de uma das alas do Hospital Municipal de Foz do Iguaçu (Foto: Reprodução / RPC)
Outros pacientes registraram as duas adolescentes acomodadas sobre um cobertor no chão de uma das alas do Hospital Municipal de Foz do Iguaçu (Foto: Reprodução / RPC)

Sem leitos disponíveis, duas pacientes, de 14 e 15 anos, passaram a noite deitadas em cobertores estendidos no chão de uma das alas do Hospital Municipal de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, afirmam familiares das adolescentes. A situação, dizem ocorreu entre as 2h e as 9h desta quinta-feira (22). As informações são do G1.

continua após publicidade

A falta de condições no atendimento foi registrada por outras pessoas internadas na unidade. “A gente leva um choque porque vê muitas coisas, mas não acha que vai acontecer com a gente. Fiquei muito chocada. Criei minha sobrinha como se fosse milha filha. A gente não tem recursos, não tem condições e é bem difícil essa situação”, comentou a comerciante Rosângela Vargas, tia de uma das pacientes. A adolescente, que mora com ela, foi internada nesta madrugada com suspeita de apendicite depois de sentir dores na terça (20) e passar duas vezes pelo Pronto-Atendimento do Morumbi.

Ainda de acordo com Rosângela, a sobrinha foi encaminhada para a cirurgia no fim da manhã. “Às sete e meia, minha irmã me ligou e falou: vão atrás de alguém porque a gente foi transferida de lá pra cá às 2h da manhã e ela [a adolescente] está deitada no chão em cima de uma coberta e ninguém fala nada. Quando minha irmã conseguiu um celular para tirar as fotos, se agilizaram, arrumaram uma maca e encaminharam para a cirurgia. Não tinha vaga e ninguém falou nada”, contou. Segundo o diretor assistencial do hospital, Marcelo Marques, o pronto-socorro estava superlotado quando as adolescentes foram atendidas.

Confira matéria completa AQUI