Geral

MP pede prisão temporária do goleiro Bruno

Da Redação ·
A Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro solicitou na noite de ontem (6) a prisão do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes
fonte: globoesporte.com
A Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro solicitou na noite de ontem (6) a prisão do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes

A Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro solicitou na noite de ontem (6) a prisão do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes, e de seu amigo Luis Henrique Ferreira Romão, conhecido como Macarrão. O Ministério Público do Estado concordou com o pedido e deve requerer a prisão à Justiça na manhã de hoje, segundo informações da Rede Globo.

continua após publicidade

O pedido de prisão temporária (cinco dias, mais cinco prorrogáveis) foi feito logo após o depoimento de J., um primo de 17 anos do jogador que confessou ter participado do desaparecimento de Eliza Samudio, ex-amante de Bruno. A promotoria também deve pedir a apreensão do adolescente.