Geral

Guindaste gigante é montado para instalar lança do novo shiploader

Da Redação ·
 Foto: Appa
Foto: Appa

Um dos quatro novos shiploaders do Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá fica pronto no final de dezembro. O equipamento está com a parte elétrica bastante adiantada e já recebeu a lança, componente que avança sobre o porão do navio para o carregamento dos grãos. Os próximos passos serão a conexão à estrutura já existente no cais, que inclui correias transportadoras e ligações elétricas. 

continua após publicidade

A estrutura montada esta semana em frente ao berço 213 para a instalação da lança do equipamento chamou a atenção dos trabalhadores do cais. Para conseguir içar a peça – que pesa mais de 52 toneladas e mede 45 metros de comprimento, tem seis metros de largura máxima e 3,15 de altura – foi preciso reforço. 

“As empresas contratadas para a construção e montagem dos novos shiploaders utilizaram um Guindaste Liebherr LR 1750, com lança de 77 metros e capacidade para levantar até 750 toneladas. Durante quase um mês, engenheiros, projetistas e técnicos da segurança no trabalho fizeram os cálculos para que a operação fosse perfeita”, afirma o diretor de Engenharia e Manutenção da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Paulinho Dalmaz. 

continua após publicidade

Além do peso do próprio equipamento (576 toneladas) e da peça, foi preciso calcular a área que a lança ocuparia ao ser girada – mais de 60 metros de raio. A área foi isolada e as atividades comuns no local, como a limpeza, circulação de trabalhadores e o fluxo de máquinas, foram interrompidas. O içamento da lança do novo shiploader levou cerca de uma hora para ser concluído. 

CRONOGRAMA – Além deste shiploader, um segundo, também no berço 213, está em processo de montagem do Portal Superior. Este deve ficar pronto até o final de fevereiro de 2015. Assim, até o início do escoamento da próxima safra de soja, os dois novos equipamentos estarão em operação. 

O Shiploader 03, no berço 212, será o próximo montado, provavelmente a partir de janeiro de 2015. O último novo equipamento ficará no berço 214. “A primeira previsão é que até julho de 2015 os quatro shiploaders estejam montados e em funcionamento. Porém, para melhor atender as operações no período de safra, este cronograma pode ser alterado”, diz o diretor. 

continua após publicidade

Com lanças nestas proporções, os novos shiploaders terão maior alcance sobre o porão do navio, assim como maior altura acima do piso do cais, possibilitando melhor produtividade nos navios maiores. 

A Appa investiu R$ 59,4 milhões em recursos próprios para a aquisição dos quatro novos carregadores, que irão aumentar a capacidade de operação do Corredor de Exportação em 33%. 

A capacidade será para carregar até duas mil toneladas por hora. Atualmente, os equipamentos em operação no Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá têm capacidade nominal para 1.500t/h.