Geral

Governo lança edital para processo seletivo da Guarda Mirim

Da Redação ·
Foto:Ricardo Marajó/SEDS
Foto:Ricardo Marajó/SEDS

O Governo do Estado lançou o edital para o processo seletivo 2015 do Centro de Integração Diva Pereira Gomes – Guarda Mirim do Paraná. O programa de aprendizagem ofertará 280 vagas para adolescentes que moram em Curitiba e Região Metropolitana e que vivem em situação de risco e vulnerabilidade social. As atividades do programa terão início no primeiro semestre de 2015. 

continua após publicidade

As inscrições são gratuitas e terão início em 6 de janeiro. Os interessados poderão se inscrever até o dia 30 do mesmo mês, exclusivamente pela internet, por meio do site da Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, que coordena o programa. O endereço eletrônico é http://www.familia.pr.gov.br. 

Só poderão fazer a inscrição os adolescentes que completarão 15 ou 16 anos de idade até dezembro de 2015 e que estejam cursando a partir do 9º ano do ensino fundamental. O adolescente que estiver cursando a Educação de Jovens e Adultos (EJA) precisa estar matriculado em, no mínimo, quatro disciplinas. 

continua após publicidade

Para quem não tem acesso à internet, a Guarda Mirim disponibilizará em sua sede terminais onde os adolescentes poderão fazer a inscrição, das 8h30 às 11h e das 13h30 às 16 horas. A Guarda Mirim do Paraná fica na Avenida Anita Garibaldi, nº 2395, no bairro Ahú, em Curitiba. 

PROGRAMA - A Guarda Mirim do Paraná, que completou em setembro 51 anos de fundação, é um programa de aprendizagem e de inclusão social. Seu principal objetivo é a formação técnico-profissional de adolescentes e sua inserção no mercado de trabalho. Para a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Letícia Raymundo, mais do que capacitar os meninos e meninas para uma profissão, a Guarda Mirim é uma instituição que forma cidadãos. 

O programa tem três anos de duração e é dividido em duas etapas. Na primeira delas, os adolescentes ingressam no curso de Formação Cidadã, que compreende a etapa preparatória de adaptação. Durante um ano e em um único turno os adolescentes participam de atividades didático-pedagógicas. 

continua após publicidade

Depois do primeiro ano, os adolescentes considerados aptos são promovidos a guardas mirins e passam a frequentar cursos de aprendizagem industrial oferecido pelo Senai, e aprendizagem de serviços administrativos, desenvolvido em parceria com o Senac. 

É nesta fase que eles são encaminhados a empresas conveniadas para que exerçam a função de aprendizes. Atualmente, mais de 100 empresas são conveniadas e fazem a contratação dos adolescentes. 

ACOMPANHAMENTO INTEGRAL - Durante os três anos em que participam da Guarda Mirim, os adolescentes são acompanhados, no contraturno escolar, por uma equipe multidisciplinar, composta por pedagogos, psicólogos e assistentes sociais. Cinco integrantes do Comando Militar são responsáveis por aulas de legislação e música. Todos também podem participar de atividades complementares de esporte, lazer, eventos educativos, culturais, religiosos e comunitários. 

Dúvidas sobre o edital podem ser esclarecidas junto à Comissão do Processo Seletivo, pelo e-mail inscricaogmirim@seds.pr.gov.br ou pelos telefones (41) 3252-2779 e 3252-6531.